Caetité: Contrariando os menos otimistas, Carnaval da Diversidade arrasta multidão as ruas da cidade no seu primeiro dia.

Foto: Ederson Albert/Caetitenoticias

Durante dois dias de folia, Caetité recebeu um mar de gente num clima de muita alegria e paz. Quem achou que o 7° Carnaval da Diversidade e 32ª Lavagem da Esquina do Padre em Caetité,  seria abaixo da média apenas com as atrações da cidade, enganou-se.

Na sexta feira (25), o evento arrastou um multidão que acompanhou o som do Bloco Chama do Merengue,  Idalino e Banda, Djalma Track, Dj,s e Paredões. Logo no início da tarde o Bloco Chama no Merengue, com mais de 2500 integrantes subiu a avenida e consolidou-se como o maior bloco alternativo da cidade.

O cantor Lincoln no comando da banda Duas Medidas, levou a galera a loucura , tocando as musicas mais executadas em todo o Brasil. Com muita gente bonita, o bloco deu  duas voltas pelo percurso da folia. Em seguida foi a vez de  Idalino e Banda última hora, arrastou uma multidão tocando sucessos do momento e do passado, a banda não deixou o público parado.

Assim que o trio subiu, O DJ Bismark, tocou muita música eletrônica para os presentes que permaneceram  na Praça da Catedral. O Paredão Pesadelo, ao som de Tarciso Teles, também participou da folia e subiu a avenida com centenas de seguidores. E ás 2h da manhã já do sábado (26), a Swingueira de Djalma Track, finalizou com muita irreverência  o primeiro dia do Carnaval da Diversidade e Lavagem da Esquina do Padre. a estimativa é de 6 Mil pessoas no primeiro dia de festa.

No sábado (26), a folia começou com o tradicional cortejo que saiu da Feira Velha e percorreu pelo percurso da festa com uma multidão de cerca de 8 Mil pessoas. Muitas fantasias, máscaras e alegria com as fanfarras, sambões, bonecos gigantes, baianas, grupo de capoeira, o boi de Idalino e o caminhão pipa que lavou a calçada da esquina da casa do saudoso Monsenhor Osvaldo Magalhães, o grande homenageado da festa.

Ás 21h Piu e banda levaram toda multidão para o percurso da folia de forma eletrizante. ás 23h foi a vez da banda Retroaxé animar o mar de gente na praça que dançou ao som das músicas que marcaram época na Bahia. ás 2h da manhã já de Domingo (27) Roberto Dantily elétrico calou a boca dos críticos com um show impecável, sendo o melhor show de todos pelo gosto dos foliões. Durante a segunda noite da festa ainda teve o bloco Mania com a banda Eita Bichão levando uma massa de gente pelo percurso.

Parabéns a organização do evento e principalmente a o folião que brincou em paz e com muita alegria. Infelizmente já acabou mais com um gostinho de quero mais.