Secretário estadual da saúde visita a Unacon de Caetité

SONY DSC

Secretário Estadual, Fabio Vilas-Boas, anuncia data para inauguração da Unacom, em Caetité.

O secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, juntamente com a sua comitiva, este em Caetité na manhã de quinta-feira (24) e concedeu entrevista coletiva aos meios de comunicação da região. Na oportunidade, Fábio Vilas-Boas disse que a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacom), será inaugurada em novembro, mais precisamente no dia 6, a depender de ajustes na agenda do governador.

A Unacom, popularmente conhecido como Hospital do Câncer de Caetité, vai oferecer atendimento em oncologia, cirurgia ortopédica, internação de UTI geral, cirurgia geral e internação clínica para mais de 40 municípios da região. “Nosso sonho está se transformando em realidade e Caetité vai tornar uma referência em saúde” ressaltou a Secretária Municipal de Saúde, Cínthia Lopes. Neste hospital contém investimentos do município, recursos do tesouro estadual para viabilização da obra e emendas parlamentares de deputados da região.

Antes da coletiva de imprensa, Fabio Vilas Boas e a comitiva, fizeram uma inspeção técnica na Unacom e, logo depois, perguntado pela equipe da Rádio Star FM 105,9 se o andamento da obra no hospital está de acordo com o cronograma e conforme as normas de saúde, o secretário respondeu que “não tem nada de crítico para tornar inadequado. Os ajustes que nós recomendamos são apenas para fazer com que ele se situe dentro do que existe de melhor.” Finalizou o secretário de Saúde do Estado da Bahia.

Também marcaram presença na vistoria da obra e coletiva de imprensa, além do secretário estadual de saúde e da secretária municipal de saúde, o deputado estadual Vitor Bonfim, os deputados federais Daniel Almeida, José Rocha e Charles Fernandes bem como o prefeito Aldo Gondim, a vice-prefeita Dr. Kelly, o secretário de Serviços Públicos, Gildásio Rodrigues, conhecido como Neco e o ex-prefeito de Caetité, José Barreira. Vereadores e membros da sociedade civil acompanharam o evento. Houve limitação na quantidade de pessoas por conta da pandemia do novo coronavírus e todos os participantes usaram máscara.

Créditos: Zeomario Teixeira