Seleção da 105

18:00 -

18:59

Logo Star FM
E aí, curtiu?
19

Segurando a viola e o microfone, estátua que eterniza João Carreiro será inaugurada em junho

Para homenagear e eternizar João Carreiro, o artista Juvenal criou uma estátua que une os três elementos mais significantes do cantor. Usando o tão conhecido chapéu, segurando a viola e levantando o microfone, a imagem do sertanejo será inaugurada no dia 12 de junho, no Clube de Laço Comprido (CLC), em Campo Grande.

Nas redes sociais, Juvenal mostrou todo o processo criativo, feito em Paraty, interior do Rio de Janeiro, e contou que teve a aprovação de amigos e familiares para a conclusão do projeto.

“Eu enviei vídeos e fotos para um grupo que foi criado pela Francine [viúva do cantor], e eles, especialmente a Francine, aprovaram cada etapa da escultura. Eu fiz questão, por respeito à memória do João, por respeito à esposa e aos amigos que conceberam a ideia de homenageá-lo, de submeter cada etapa da escultura à apreciação e aprovação deles”, contou o artista.

 

Juvenal e seu trabalho gigante em homenagem a João Carreiro. — Foto: Arquivo Pessoal
Juvenal e seu trabalho gigante em homenagem a João Carreiro. — Foto: Arquivo Pessoal

 

Juvenal relata que o grande desafio foi retratar em uma só imagem quem era o grande artista.

“Com todos os seus códigos, seus gestos, seus símbolos. É o conjunto daquilo que a gente lê como João Carreiro. A sua viola, o seu modo de se apresentar tinha que estar todo ali em síntese nessa estátua. Então, isso foi o grande desafio de verdade. Mas, graças a Deus, deu tudo certo”, relembra.

Feita em sólido de polímero, com carga mineral, a escultura é estruturada sobre fibra de vidro, além de ter uma aparência em bronze e, por dentro, leva uma gaiola de aço.

Estátua de João Carreiro em pé. — Foto: Arquivo Pessoal
Estátua de João Carreiro em pé. — Foto: Arquivo Pessoal
Estátua chega de guincho ao Parque do Peão

 

Projeção do local onde ficará a estátua – CLC/Arquivo Pessoal

Confusão

A irmã de João Carreiro reprova a instalação de uma estátua do sertanejo.

“A família do João é contra o evento, essa estátua não é nada parecida, a família não foi consultada, isso é uma falta de respeito”,

disse Liliane e seguiu:

“É uma vergonha, é um abuso, a família está envergonhada e revoltada. Francine gastou mais de R$ 100 mil, pegando dinheiro dos fãs, e não tem nada a ver com João”.

 

Tributo

A estátua do cantor, de cerca de 7 metros, deve ser inaugurada no dia 12 de junho, no CLC, em Campo Grande, durante o 10º Campeonato Brasileiro de Laço Comprido.

O tributo “Comitiva JC – a viola nunca vai morrer”, reúne diversos artistas que cantarão as composições de João Carreiro, incluindo músicas inéditas. Durante a homenagem, haverá também um memorial com objetos pessoais do artista.

Por G1 / IviNotícias / LeoDias